Previsão para alta do PIB no Projeto de Lei Orçamentária de 2020 é de 2,17%

O Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) de 2020 apresentado nesta sexta-feira, 30, pelo Ministério da Economia, prevê que o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) no próximo ano será de 2,17%. A projeção se refere à última estimativa oficial, feita pela pasta em julho.

Na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), a previsão ainda estava em R$ 2,74%. A estimativa da equipe econômica para a Selic média em 2020 é de 5,62% ao ano, ante 7,47% na LDO.

O PLOA também traz a projeção de um câmbio médio de R$ 3,79 no próximo ano, ante R$ 3,71 na LDO. A estimativa de alta da massa salarial nominal é de 6,28% em 2020 (era 6,86%). Já a projeção da PLOA para a inflação medida pelo IPCA em 2020 é de 3,91%, ante 4,0% estimado na LDO.

Para o Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI) de 2020, a previsão é de 4,10% na proposta de Orçamento, acima da anterior, de 4,01%.

Salário mínimo

O governo prevê o salário mínimo em R$ 1.039 no próximo ano, de acordo com o PLOA de 2020. A projeção feita na LDO estimava o mínimo em R$ 1.040.

A correção do salário mínimo prevista no PLOA considera apenas a inflação. Até o ano passado, a política de reajuste do salário mínimo considerava o crescimento do PIB, além da variação de preços.

Outras Notícias

Brasil tem mais de 210 milhões de habitantes, aponta IBGE

 população do Brasil ultrapassou a marca de 210 milhões de habitantes, de acordo com dados levantados pelo Instituto ...

Estados recebem doses extras da vacina tríplice viral contra o sarampo

Para garantir a imunização extra contra o sarampo em todas as crianças de seis meses a 11 meses e 29 dias, as secreta...

Terapias alternativas no SUS dão suporte para superação do tabagismo

Passaram-se quatro anos entre o dia em que o funcionário público Eduardo Furquim, de 53 anos, decidiu parar de fumar ...

Setembro amarelo terá foco em prevenção do suicídio entre os jovens

O Ministério da Saúde vai aproveitar setembro, mês de conscientização sobre a importância da prevenção do suicídio, p...